quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021

FALTA DE CLIENTES FRUSTRA VENDEDORES EM QUELIMANE

Comerciantes de vários produtos da primeira necessidade do mercado Central em Quelimane, queixam – se da fraca afluência dos clientes, depois da quadra festiva.

Apesar dos preços de vários produtos da primeira necessidade no mercado central estarem estáveis, ressente-se a falta de clientes, facto que está a criar prejuízos enormes para os comerciantes, que diariamente exercem as suas actividades.

O mercado central, considerado o maior da cidade de Quelimane, neste momento enfrenta uma crise que segundo explicam nossos entrevistados durante a quadra festiva, o fluxo era maior, só que agora tudo piorou sob riscos dos seus produtos estarem num estado avançado de deterioração.

Mesmo com esta fraca aderência da clientela no mercado central da cidade de Quelimane, estes dizem que vão continuar a exercer as suas actividades de comércio, até que a situação mude.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Tens algo a dizer? Deixe aqui na caixa de comentários e nós agradecemos.